De acordo com vários estudos internacionais a ejaculação precoce é o problema sexual que afeta o maior numero de homens, incluindo todas as idades.

Em termos muito simples, a ejaculação precoce é definida como a condição em que o homem ejacula muito cedo, ou seja, antes que a parceira, ou ele mesmo, tenha chegado a um clímax sexual.

Quando isto acontece, há muita insatisfação pelo ato, o que pode levar a frustrações e até mesmo a problemas entre parceiros, que é mais grave quando os relacionamentos são recentes, mas também afeta fortemente os homens casados. As estatísticas revelam que a ejaculação precoce é uma das mais importantes causas de incompatibilidade sexual que leva ao divórcio.

Existem dois tipos básicos de ejaculação precoce. O primeiro é a ejaculação precoce primária, onde o homem sofreu de ejaculação precoce durante toda sua vida, ou seja, ele nunca conseguiu ter sexo prolongado.

O outro tipo, que é o mais comum nos homens, é chamado de ejaculação precoce secundária. Isto é quando o homem ejacula prematuramente mais tarde na vida, devido a alguma condição física ou psicológica que o afeta.

problemas com ejaculação precoce

Embora a ejaculação precoce ocorra em homens de todas as idades, os homens jovens são mais propensos a sofrer desta desordem. A principal causa por trás disso pode ser a inexperiência dos jovens homens quando começam a sua vida sexual.

A excitação e a ansiedade associadas aos primeiros encontros da vida de um homem podem facilmente causar a ejaculação precoce.

À medida que os homens envelhecem, eles aprendem melhor os truques do autocontrole. O que os faz resistir melhor e se soltar somente depois de suas parceiras atingiram seu próprio clímax.

Em algumas culturas, a ejaculação precoce é mais prevalecente do que em outras. Isto se deve aos tabus sexuais com os quais as crianças são educadas ao crescerem. Estes jovens crescem pensando, por exemplo, que a masturbação é uma espécie de ato indigno. Assim, quando têm vontade, se masturbam rapidamente em algum lugar escondido com medo de serem descobertos. Naturalmente, eles ejaculam muito cedo.

Este hábito de ejacular rápido para não serem descobertos permanece com eles quando crescem, e eles desenvolvem todas as condições para sofrerem de ejaculação precoce na idade adulta.

Muitos homens também acreditam que se vêm cedo demais para serem satisfatórios para suas parceiras por causa dos filmes pornográficos. Estes filmes são responsáveis por perpetrar vários mitos sobre sexo; e um deles são as sessões de sexo de grande duração. Embora isto não seja irreal, o fato é que a maioria dos casais não o faz durante o tempo que esses filmes insinuam.

Como resultado, um homem que assiste a um filme desses acharia que lhe faltaria algo na forma como ele realiza seu ato, quando na verdade  tempo normal na maioria dos casais é de 6  a 8 minutos.

Falando em curas para a ejaculação precoce, não há um tratamento real para o problema. A razão por trás disto é que a ejaculação precoce não é uma doença e portanto existem várias maneiras de lidar com ela que podem ser eficazes. Pode ver alguns dos melhores tratamentos para a ejaculação precoce no website MyBodyMen.

Ejacular antes do tempo pode ser controlado simplesmente exercitando alguns jogos mentais durante o ato, como pensar em coisas alheias ao sexo.

A técnica deparar e apertar a cabeça para suster a ejaculação é muito eficaz para controlar a ejaculação precoce. Neste momento, a glande do pênis é espremida a fim de parar a ejaculação.

tratamentos para ejaculação precoce

Alguns homens também recorrem a cremes anestesiantes que podem ser usados para a ejaculação precoce mas é uma solução que reduz significativamente o prazer que este ato deve ter e pode mesmo levar à perca de ereção.

Deve-se notar que estes cremes não são tratamentos para a ejaculação precoce, mas são apenas usados para retardar a ejaculação, pois quando são aplicados o pênis perde parte de sua sensibilidade e, portanto, o homem pode continuar por um período de tempo mais longo, mas para isso perde grande parte do seu prazer, o que não deve ser o seu objetivo.

Finalmente, é preciso lembrar que a ejaculação precoce é algo que não é uma condição permanente. Cada homem ejacula em momentos diferentes, durante diferentes encontros sexuais, e com diferentes parceiras, portanto, o período de tempo se qualifica para a ejaculação precoce é um tópico altamente discutível.

A maioria dos homens pode ejacular abaixo de um minuto algumas vezes, devido a certos problemas psicológicos que o estejam a afetar e ter uma sessão sexual prolongada em outro momento. O tempo que aguenta pode deferir muito também de parceira para parceira. Portanto, a ejaculação precoce é uma questão altamente relativa. No entanto se ejacula frequentemente em poucos minutos e não consegue controlar-se na maioria das vezes, então pode-se considerar que sofre com ejaculação precoce.